BUSCAR

NOTÍCIAS

Trabalho
Publicado em 23/03/2012
Trabalho

Em fevereiro, Curitiba manteve a menor taxa de desemprego do Brasil - 3,2% do conjunto dos trabalhadores. O percentual mostra que a capital do Paraná, há mais de um ano, vive um ciclo de pleno emprego. Os dados são IBGE/Ipardes que apontam que essa taxa na região metropolitana ficou em 3,7%.

A capital paranaense é ainda responsável por mais de 89% dos empregos gerados nos últimos 12 meses. "Como historicamente, a taxa de Curitiba é 0,5% menor que a registrada na região metropolitana, a cidade mantém o ciclo do pleno emprego, ampliando a oferta de postos de trabalho e a economia aquecida", disse o secretário de Trabalho de Curitiba, Paulo Bracarense.

O chamado pleno emprego - apontam os economistas - é quando a taxa de desemprego ou desocupação oscila com percentuais inferiores a 4% e 5%. No caso de Curitiba, segundo Bracarense, o ciclo aponta para a qualificação dos trabalhadores e no crescimento dos salários.

Na RMC, a taxa registrada pelo IBGE/Ipardes é inferior à observada em janeiro (3,8%) e também abaixo da verificada em fevereiro do ano passado, quando atingiu 4,0%.  A média nacional, calculada em seis regiões metropolitanas, foi de 5,7%. Logo após Curitiba, as menores taxas foram as de Porto Alegre (4,1%) Belo Horizonte (4,7%), Recife (5,1%), Rio de Janeiro (5,7%), São Paulo (6,1%) e Salvador (7,8%).

Rendimento - O levantamento revela ainda que, em fevereiro, o rendimento médio do trabalhador na RMC foi de R$ 1.832,80 - 7,7% superior ao do mesmo mês de 2011. Com esse valor, a região mantém-se como a de maior remuneração.

Nessa situação, a média salarial do trabalhador curitibano, segundo dados do Dieese, é superior ao da RMC. Na última projeção levantada no final do ano passado, a média estava em R$ 2.260,00 mensais.

Segundo o Ipardes, essas estatísticas vêm confirmando o quadro de forte aquecimento do mercado de trabalho de Curitiba e região, destacando-se os desempenhos da indústria e da construção civil. ticularmente na indústria, as performances de produção e emprego observadas tanto no Estado como na RMC apontam para uma capacidade de resposta à forte entrada de produtos importados no País.

Brasil Afro empreendedor
Sou Curitiba
Forum
Eventos
Editais
Twitter   Facebook   Google  

WebDesign:
Empresa
Agência Curitiba de Desenvolvimento S/A
Rua Barão do Rio Branco, 45 - 7º andar - Centro - CEP: 80010-180
Curitiba - PR - Brasil - PABX: 55 (41) 3221-9900
agenciacuritiba@agenciacuritiba.com.br