156 Acesso àInformação

Destaque

Destaque

Dois meses após inauguração, Pinhão Hub se consolida como ponto de encontro e negócios do Vale do Pinhão em Curitiba

Inaugurado em 14 de março, dentro das comemorações dos 331 anos de Curitiba, o Pinhão Hub celebra, nesta terça-feira (14/5), dois meses de funcionamento com seu objetivo cumprido: o de ser o ponto de encontro e negócios do de quem faz o ecossistema de inovação da cidade, o Vale do Pinhão. Nesses primeiros 60 dias de operação, o […]

compartilhe
Dois meses após inauguração, Pinhão Hub se consolida como ponto de encontro e negócios do Vale do Pinhão em Curitiba. Curitiba, 02/05/2024 Foto: Levy Ferreira/SMCS

Inaugurado em 14 de março, dentro das comemorações dos 331 anos de Curitiba, o Pinhão Hub celebra, nesta terça-feira (14/5), dois meses de funcionamento com seu objetivo cumprido: o de ser o ponto de encontro e negócios do de quem faz o ecossistema de inovação da cidade, o Vale do Pinhão.

Nesses primeiros 60 dias de operação, o Pinhão Hub, instalado no espaço Engenho da Inovação (Rua Engenheiros Rebouças, 1.732, bairro Rebouças), já conta com 17 empresas, startups e investidores residentes.

“O ecossistema entendeu rapidamente que o Pinhão Hub é um local estratégico para conectar empresas inovadoras entre si, com a Prefeitura, com as universidades e com o Terceiro Setor, gerando um círculo virtuoso de prosperidade que vai refletir em novos empregos para Curitiba e Região Metropolitana”, destaca o presidente da Agência Curitiba de Desenvolvimento e Inovação, Dario Paixão.

O novo espaço para inovação da cidade também já foi palco de vários eventos de networking, conexão, capacitação empreendedora e profissional, materializando projeto da Prefeitura e da Agência Curitiba de Desenvolvimento e Inovação de ter um endereço permanente para as conexões do segmento na capital paranaense.

Além dos limites de Curitiba

A startup Adam Robô foi a primeira a se mudar de “mala e cuia” para o Pinhão Hub, com sua proposta de levar a mais lugares seu robô portátil – o Adam – que realiza testes oftalmológicos rápidos mesmo nas áreas mais remotas, apostando na força do nome do Vale do Pinhão além dos limites de Curitiba.

“Curitiba já tem um dos ecossistemas de inovação mais fortes do Brasil e estar no Pinhão Hub, o coração do Vale do Pinhão, é para gerar ainda mais valor para minha empresa”, diz o fundador da startup, Juliano Santos.

Depois dele, outras 15 empresas chegaram ao centro de inovação curitibano: Instituto das Cidades Inteligentes (ICI); Go On; Westwood Capital; Quantika; a Weon/OrgânIA; Grassi Mendes Advogados; Multi Faculdade; Chavii; Munai; Easy 360; One Digital; Rei Consultoria; Destrava Mundo; Oystr; e Grandi Holding.

“O Pinhão Hub reúne as principais iniciativas de empreendedorismo e inovação de Curitiba, sendo um dos principais hubs do Brasil. O poder público municipal tem o importante papel nesse projeto, como grande orquestrador e facilitador nessa aproximação entre empresas, instituições, institutos, investidores e startups”, avalia o fundador e sócio-gestor da empresa de investimentos Westwood Capital, Georges Kalache Netto.

Netto ressalta que o objetivo de ter um espaço cativo no Pinhão Hub é estar mais próximo das jovens startups e encontrar novas oportunidades de investimento para sua carteira de clientes.

Elo entre a inovação e o mercado

Saber que há investidores que circulam pelo mesmo espaço dos três andares ocupados pelo Pinhão Hub foi o chamariz que levou a OrgânIA a também se instalar na edificação central do Engenho da Inovação.

“Chegamos há três semanas e já tive a oportunidade de apresentar meu pitch a um potencial investidor dentro do Pinhão Hub. Este espaço é o elo de entre a inovação das startups e o mercado”, destaca o CEO da OrganIA, Denis Galvão.

A conexão com o Vale do Pinhão e outras ações da Prefeitura em prol dos negócios unem tecnologia e inovação e promove contatos com quem quer fechar negócios, completa Galvão. 

A OrganIA foi criada há um ano e meio e já conta com 40 colaboradores, que atuam no desenvolvimento de inteligência artificial para analisar conteúdos de atendimentos ao cliente, para promover melhorias nas empresas.

Usos múltiplos

O Pinhão Hub ocupa os três andares da edificação central do Engenho da Inovação, no Rebouças. Em 1,2 mil m², oferta 158 posições de trabalho, salas de reunião, estúdio para podcast e auditório, num espaço colaborativo e multissetorial.

Gerenciado pela Agência Curitiba de Desenvolvimento e Inovação, oferece pacotes para as empresas e as startups se tornarem residentes, com benefícios extras, como mentorias, consultorias, participações nos eventos do Vale do Pinhão, além de fazer locações dos espaços para eventos.

Suas ações são alinhadas ao compromisso da Prefeitura com o zelo pela inovação e pelo empreendedorismo em Curitiba.

O espaço tem ainda, uma sala para o Invest Curitiba, para reuniões e apresentações sobre a cidade para potenciais investidores de outras cidades e países.

Para todos

Para toda a população, a Agência Curitiba tem utilizado o local para os eventos e capacitações de inovação e empreendedorismo do Vale do Pinhão, gratuitamente.

Desde sua abertura o Pinhão Hub recebeu o Paiol Digital Especial Mulheres; a fase classificatória do Pitch Live Vale do Pinhão 2024, a aula inaugural do Bom Negócio, eventos do Programa Empreendedora Curitibana e o primeiro ciclo de mentorias para empreendedores.

Serviços ofertados

  • Coworking: Espaço de trabalho compartilhado com a melhor infraestrutura de inovação de Curitiba, como internet de fibra ótica e Wi-Fi 6 para até 3 mil dispositivos por andar. 
  • Eventos: Agenda de atividades como palestras, workshops, pitches e outros sobre temas ligados à transformação digital, inteligência artificial e inovação, para promover o conhecimento, a criatividade e as oportunidades de negócio.
  • Educação: Com a Escola de Inovação de Curitiba, o Pinhão Hub oferece cursos de Inteligência Artificial, Blockchains, Metodologias Ágeis e outros, com certificação digital.
  • Pitch in Company: Para conectar grandes empresas com startups;
  • Cultura de Inovação: Especialistas avaliam o nível de inovação na empresa e realizam palestras e workshops com os colaboradores.
  • Estúdio de Podcast: Com tela de 65 polegadas, câmeras, mesa de som, mesa de corte, notebook e técnico para a transmissão, pode ser locado para a gravação de podcasts com até quatro pessoas.
  • Espaços para locação: lounge para até 80 pessoas; auditório para até 40 pessoas; salas de reunião para até 12 pessoas; sala para treinamentos.

NOTÍCIAS RELACIONADAS